sábado, 9 de abril de 2011

Pernille Stougaard












Ilha das flores

O Brasil é uma ilha de flores e recebe de maneira aberta um beija-flor, vindo de longe. Também de uma ilha, onde as flores são um acontecimento e não um simples ser vivo. Lá olhar o desabrochar é como ver a queima de fogos na praia de Copacabana. Falando no Rio de Janeiro é bom lembrar, de uma exposição chamada Futebol.

Nem tudo são flores? São sim, para Pernille Stougaard transformar o barro em flor é um habito sagrado.

Como é bom receber essa ceramista, e olhar em seus olhos, poder acompanhar o processo de criação, a transformação do barro em flores; da terra, água e ar.

Ao participar de suas demonstrações, me lembrei de um documentaria. Ilha das Flores. O polegar em foco como parte muito importante do corpo humano.

texto: gabriel rufo, aluno de artes aplicadas ufsj


Futebol: abertura 23 de março às 19 hora

Os artistas dinamarqueses Pernille Stougaard e Martin Berge dialogaram durante uma estadia de 4 meses em Cunha, São Paulo, a cidade de cerâmica, sobre o tema futebol. Agora, eles expõem o resultado desse diálogo no Centro Cultural Correios no Rio de Janeiro como parte de uma grande exposição temática sobre futebol.

Exposição: de 23 de março a 17 de abril de 2011 de terça-feira a domingo, das12h ás 19h.

Tel: (21)2253-1580



Encontro promovido pelo curso de Artes Aplicadas da UFSJ: coordenadora, Zandra Miranda


fotos: Gabriel Rufo, aluno de artes aplicadas ufsj
fotos: Marcopolo de Resende Bonaccio, aluno de artes aplicadas ufsj

























































































3 comentários:

LS.EXPORT disse...

Que maravilha!!
Quanto privilégio!! To morrendo de inveja!!
Parabens!!
Solange Mano

RITINHA disse...

Parabéns Gabriel, cada vez melhor nas publicações.

Teruko disse...

Parabéns, Gabriel Rufo: além de criativo ceramista. também registra momentos de Arte e Cultura!!